Quinta-feira, 7 de Agosto de 2008

LOUCOS

O mundo está louco! Melhor, algumas pessoas estão loucas; algumas pessoas, como é bom de ver, estão num estágio de loucura que merece internamento em clinica psiquiátrica.

Não mereceria reparo, se essas manifestações de loucura proviessem de pessoas "ditas anormais" mas, se provêm de pessoas que têm a obrigação e o dever de responsabilidade naquilo que dizem, e desempenham cargos públicos, ou pretendem vir a desempenhar, então o caso muda de figura.

Vejamos então o motivo que leva a apelidá-los de loucos, "fazendo entretanto os comentários que  parecem pertinentes".

 

É sabido, ou pelo menos assim se pensa, que a homossexualidade sempre existiu. Para uns, é um desiquilibrio hormonal, para outros, uma disfunção psicilógica e para muitos, uma aberração e deboche social. Não cabe aqui debater as causas que levam à homossexualidade, mas, clinicamente  se sabe, que na maioria dos casos a homossexualidade provém de um desiquilibrio hormonal . Tais desiquilibrios chegam nalguns casos a dotar um corpo marcadamente feminino, com orgão explicitamente masculino ou vice-versa. Não se alongará mais as causas e os efeitos da homossexualidade, até porque, não são reconhecidos conhecimentos para o fazer de molde cientifico, outro sim,  serão analizados os comportamentos correlacionados, numa perspectiva puramente pessoal.

 

Numa perspectiva de mente aberta, ( ou de politicamente correcto) aceita-se excepcionalmente (por razões de direito), o casamento civil homossexual, ou seja: um casal  homossexual vivendo a sua homossexualidade intra muros e no dia -a-dia convivendo como se  de um casal se tratasse, vê a sua posição juridicamente complicada em termos de aquisição em comum, e, ou futura partilha de bens de raíz , nomeadamente no que concerne à obtenção de empréstimos bancários para compra de habitação, direitos fiscais etc.

Já a exibição pública dessa homossexualidade é condenável, por se tratar de uma situação contra-natura,  ou seja: homem com homem ou mulher com mulher.

 

Que dizer então, da posição públicamente assumida por políticos ´com assento na Assembleia da Républica em que defendem não só o casamento homossexual como um acto natural, como ainda a adopção de crianças por estes casais homossexuais.

Refere-se, concretamente, as posições assumidas pelo Bloco de Esquerda. A opinião pública tem ignorado estas posições talvés devido à fraca expressão política deste partido, mas, o caldo entorna quando as mesmas posições são assumidas e defendidas por um partido que é Governo.

Com a devida vénia transcrevo o  que veio publicado na página 15 do Correio da Manhã do dia 7/08/2008.

"Lider Jota, Duarte Cordeiro, também é a favor da adopção de crianças por casais homossexuais e acredita que PS e restante esquerda possa fazer a alteração.(sic)

 

Mesmo que razões de caracter pessoal influenciem estas tomadas de posição, cabe perguntar aos seus defensores se já pensaram no tipo de educação ou orientação sexual que terá uma criança educada num ambiente contra-natura, ou seja: em que diariamente vê um homem a beijar um homem, ou uma mulher a beijar uma mulher, e, provavelmente a assistir a manifestações de intimidade entre eles. No contacto com outras crianças, (criadas em ambientes de pai e mãe, ou adoptadas por homem e mulher) que pensará da sua condição a criança adoptada por um casal homossexual ? Pensará que tem dois pais, ou duas mães? Qual será a  futura orientação sexual dessa criança?

Virá a formar mais um casal homossexual?

Os casais homossexuais estão em condições de naturalmente procriar? Tenham juízo, e vivam a vossa homossexualidade em casa, na intimidade dos Vossos quartos e não pretendam impingir à sociedade como normal, os vossos desarranjos hormonais, ou disfunções psiquicas, as vossas aberrações, deboche social ou lá o que lhe queiram chamar, e deixem as crianças em paz.

Vós sois loucos.

 

publicado por etario às 22:48
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Abril 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


.posts recentes

. ...

. PRIVATIZAÇÕES

. A BEM DA NAÇÃO

. FEUDALISMO

. ORDEM DOS ADVOGADOS

. DARDOS/HIPOCRISIA

. INCÊNDIOS

. Dardos

. POBRE POVO

. Respeito

.arquivos

. Abril 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Maio 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

blogs SAPO

.subscrever feeds