Domingo, 16 de Dezembro de 2012

PRIVATIZAÇÕES

Que nos interessa a TAP? Ter uma companhia aérea de bandeira é um luxo de que só alguns beneficiam e todos pagam.

Beneficiam especialmente os administradores e gestores de coisa nenhuma que por lá cirandam  e são pagos a peso de ouro; os dirigentes sindicais do pessoal de voo, e de terra, bem como os correspondentes sindicalizados. Os primeiros, porque irresponsavelmente reivindicam aumentos de salários  não correspondentes com a produtividade, e os segundos, porque sempre estão de acordo em aderir a greves que, no fundo, sabem ter finalidades políticas. É que, dinheiro eles já ganham a mais, especialmente o pessoal de vôo. E se assim não fosse, os descontentes sempre poderiam mudar de empresa. Mas, por  se tratar de uma empresa pública, torna-se mais fácil reivindicar aumentos salariais  e outras mordomias que sabem ser desproporcionados.  E se o Estado não estiver pelos ajustes, então sempre há o recurso à greve efectivada em época de maior procura. E para causar mais impacto, de preferência esta greve é devidamente buzinada pelos órgãos de comunicação social, capitaneados pelos colegas afectos ao  partido que tutela o sindicato.

 

Os administradores de coisa nenhuma (que são a maioria), mais os políticos da tutela, como não têm que prestar contas aos accionistas, [e por vezes também usufruem dessas greves, por efeito decorrente de familiares ou amigos beneficiarem dessas reivindicações], depois de alguma fingida hesitação cedem, e com isso, lá dão mais um golpe no baú do dinheiro público. O Estado, que somos todos nós, para ter uma companhia aérea de bandeira temos que pagar bem caro os caprichos  dos sindicatos.

 

Como cidadão, entendo que manter à custa de capitais públicos uma companhia aérea cujo único benefício público é a ostentação de um nome Português, é um luxo que não estamos em condições de manter. Por isso, em vez de vender  a TAP, entendo que esta deve ser dada aos sindicatos,  para que estes retirem dela os rendimentos para satisfazer as suas reivindicações quase permanentes.

 

Assim, a TAP deixaria de custar dinheiro - muito - aos Portugueses.

publicado por etario às 22:40
link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De Carlos Bento a 21 de Dezembro de 2012 às 00:31
De que vale estar de acordo com mentes mais iluminadas que vem o obvio? A historia julgara' os traidores, sem que tal possa servir a quem ja' ca' nao estara' para ver, companhias, como Sorefame, Uniao Metalo Mecanica, que exportava atrelados para os USA, Lisnave, Setenave, e outras mais, foram destruidas pelos comunistas, pelo que, sera' mais inteligente vender agora, que ver totalmente destruida uma companhia de que nao nos podemos orgulhar, ja' que para a sua sustentabilidade nos sai da carteira, atraves de impostos imorais.


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Abril 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


.posts recentes

. ...

. PRIVATIZAÇÕES

. A BEM DA NAÇÃO

. FEUDALISMO

. ORDEM DOS ADVOGADOS

. DARDOS/HIPOCRISIA

. INCÊNDIOS

. Dardos

. POBRE POVO

. Respeito

.arquivos

. Abril 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Maio 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

blogs SAPO

.subscrever feeds