Sexta-feira, 18 de Fevereiro de 2011

LOUCURAS

Será que está tudo louco? Apesar de já gasta, a frase, nunca como agora teve sentido mais demonstrativo da realidade dos factos.

 

Na verdade, o quotidiano da "aldeia" (agora ao mundo chama-se aldeia global) é atacado por  actos demenciais que, num passado recente qualquer ser pensante se recusaria a admitir.

 

A velocidade nanésica das transmissões permitem que à escala global tudo se saiba no exacto momento em que acontece e, a banalização de tantas desgraças torna desumanas as pessoas que, no fundo, são o alvo de tanta mediatização.

 

A  Internet que,  para os que a ela têm acesso permite seleccionar "à la carte" os conteúdos de informação, não foge à regra e bombardeia com lixo informativo do mesmo género e tipo daquele que nos é fornecido via TV.

 

Estes gigantes da comunicação "à escala global" e regional, apenas pretendem aumentar as suas percentagens de audiências , o que, lhes permitirá aumentar os lucros resultantes da  publicidade e, para isso vale tudo, ou quase.

 

A desumanização de conteúdos, as horas impróprias a que são emitidos, "permitindo o acesso a todas as faixas etárias" está a conduzir o mundo ao colapso moral social .

 

Será normal uma criança de treze anos atacar a mãe com uma faca, levando-a a ficar hospitalizada, só porque esta o proibiu de continuar a usar a "play station" devido aos maus resultados  da escola motivados pelo excessivo uso desta? A massificação desta notícia não levará outra ou outras crianças a, pelos mesmos ou outros motivos a agir de igual modo?

 

Será normal que dois jovens tentem vender (morto ou vivo) um sobrinho ainda criança, para que lhe sejam retirados órgãos? Variando o preço em função de vivo ou morto?

 

Será normal que por dá cá aquela palha se saque de uma arma de fogo e se abata um semelhante como se de uma peça de caça se tratasse?

 

Estas e outras notícias são passadas sem o mínimo respeito pela hora e destinatários com tanta ênfase e frequência que transformam em heróis os autores de tão nefastos actos.

 

Os redactores das agências noticiosas não estão preocupados com os efeitos nefastos que causa num candidato a predador sexual a notícia de que o violador A ou B , violou duas dezenas de vítimas das quais matou cinco. Esta é uma notícia de impacto social, e como tal, será passada até à exaustão com imagens do monstro e comentários de familiares e vizinhos das  vitimas. Esta mediatização dos acontecimentos transformam o monstro em herói, quando visto pela retina opaca de outro potencial predador.

 

Jamais se esgotaria o tema da mediatização orientada exclusivamente no sentido do lucro, versus, efeitos nefastos causados na sociedade contemporânea, mas, como em tudo, no meio está a virtude. E, se as sociedades vindouras não fizerem uma inversão destes valores, então a pergunta feita no inicio desta croniqueta não se justificará, pois que, já estaremos todos loucos.

 

 

 

 

publicado por etario às 19:52
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Abril 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


.posts recentes

. ...

. PRIVATIZAÇÕES

. A BEM DA NAÇÃO

. FEUDALISMO

. ORDEM DOS ADVOGADOS

. DARDOS/HIPOCRISIA

. INCÊNDIOS

. Dardos

. POBRE POVO

. Respeito

.arquivos

. Abril 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Maio 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

blogs SAPO

.subscrever feeds