Domingo, 20 de Junho de 2010

Saramago

Sobre Saramago ou sobre a sua obra, pouco haverá que não tenha sido já escrito, dito, redito e televisionado. Contudo, sobra ainda um pouco de espaço para os muitos que não gostam de Saramago, nos quais e me revejo. Naturalmente que, não estarei intelectualmente à altura de poder criticar a obra de Saramago, mas recuso-me a aceitar como bom ou excelente todos os escritos de Saramago, pois que, "como já neste espaço de opinião deixei escrito" das vezes que tentei ler uma obra de Saramago não consegui chegar ao fim. Veja-se por exemplo, a pobreza de criatividade e de texto do livro "TODOS OS NOMES". Por esta nulidade literária, Saramago , deveria ter mandado retirar das estantes dos livreiros tal obra e, devolver o dinheiro aos que já a houvessem comprado.

 

Mas, como se deixa dito, a aversão que sinto por Saramago não é resultante da sua obra, já que, por opção me recuso a lê-la. Tal aversão é resultado de não pactuar com os apátridas, traidores, renegados, desertores e outros quejandos que infelizmente ainda pisam solo pátrio Português.

 

Saramago, claramente era um apátrida; quer dizer, para ele, Portugal era apenas o lugar onde tinha nascido, por acidente geográfico temporal, sendo que, a sua verdadeira pátria era a ideologia comunista, e, numa demonstração dessse desapego a Portugal, era adepto da inclusão de Portugal na Espanha como mais uma autonomia daquele País. Mas, se possivel, sob a égide de uma ditadura de esquerda.

 

Ora, tomadas de posição contra o País onde se nasceu e cresceu e lhe permitiu (apesar da longa noite fascista, como dizem alguns dos seus aduladores), que com a sua luta e tenacidade, se tornasse ou o tornassem, na figura literária que hoje se conhece, é claramente demonstrativa de falta de sentimento Pátrio. Pode-se estar contra o Governo, mas jamais contra a Pátria.

 

Saramago não é um vulto Nacional; será um vulto para os que não tendo a coragem de ser frontais para agir em conformidade com o que pensam,  alinham na hipocrisia do politicamente correcto. e, claro, para os que,  defendem a ideologia política que Saramago defendia.

 

Saramago, bom ou mau escritor, não deixa de ser um apátrida indigno de ser Português, logo e por isso, as suas cinzas deveriam ficar bem longe do solo Português, não devendo as exéquias custar um único cêntimo ao erário público.

 

Os patriotas Portugueses que cumpriram o seu dever militar e continuam a cumprir o seu dever cívico e patriótico trabalhando e pagando impostos, não merecem ser confrontados com a ofensa de ver serem prestadas a tal personagem honras só dignas de quem as merece, e, claramente, Saramago não as merece.

 

O prémio Nobel com que foi laureado, tem na comissão que faz as escolhas para a sua atribuição, indivíduos que perfilham as ideologias políticas que Saramago perfilhava, logo, as atribuições do Prémio Nobel da literatura saem inquinadas pois  os escritores que não perfilham tais ideologias, dificilmente serão laureados, independentemente do seu valor.  

 

Que Saramago descanse em paz, mas, bem longe de Portugal.

 

 

publicado por etario às 13:07
link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De carlos bento a 22 de Junho de 2010 às 18:32
Nao conseguiria ser mais eloquente para expor a mesma linha de pensamento, porque se' ha' atitudes que abomino, sao as apatridas.
Enquanto alguns pensarem que amar o seu pai's e a sua terra, esta' fora de moda, politicamente incorrecto, chauvinismo e ate' as' vezes de extrema direita, entao compreende-se a razao do estado da NACAO


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Abril 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


.posts recentes

. ...

. PRIVATIZAÇÕES

. A BEM DA NAÇÃO

. FEUDALISMO

. ORDEM DOS ADVOGADOS

. DARDOS/HIPOCRISIA

. INCÊNDIOS

. Dardos

. POBRE POVO

. Respeito

.arquivos

. Abril 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Maio 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

blogs SAPO

.subscrever feeds